PSDB e DEM criam comissão para tratar de alianças para 2012

Aliados de mais de uma década, DEM e PSDB cultivam a afinidade de olho em 2012. No início da semana, uma conversa entre os presidente das legendas, senador Agripino Maia (RN) e deputado federal Sérgio Guerra (PE), respectivamente, resultou na formação de uma comissão “mista” para cuidar da perpetuação da aliança.

De acordo com Guerra, os dois partidos discutirão caso a caso, cidade por cidade, a possibilidade de fechar coligação para a disputa de prefeituras no próximo ano. “A primeira reunião já aconteceu e outras ocorrerão de acordo com a necessidade”, explicou.

Pelo DEM, integram a comissão o deputado federal Mendonça Filho (PE), o vice-governador de Alagoas, José Thomaz Nonô, e o ex-deputado José Carlos Aleluia (BA). Os deputados Rodrigo Castro (MG), João Almeida (BA) e Cesar Conalgo (ES) representam o PSDB.

“Será feita uma análise de onde será possível um apoiar o outro”, reitera Guerra. Onde os tucanos estiverem melhor colocados serão apoiados pelos democratas. Onde candidatos do DEM aparecerem na dianteira terão o respaldo do PSDB.

Desde os anos 1990 o DEM vem tendo atuação de coadjuvante em eleições no plano nacional. Nos dois mandatos do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso (PSDB), ocupou a vice com o ex-senador pernambucano Marco Maciel. Na disputa presidencial de 2006, quando o atual governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, encabeçou a chapa, o hoje ministro do Tribunal de Contas da União José Jorge, na época do PFL, concorreu na vice. No ano passado, o ex-governador José Serra (PSDB) compôs a chapa com o ex-deputado Índio da Costa, do DEM. De 1994 para cá, apenas em 2002, quando Serra disputou o Planalto pela primeira vez, o Democratas não esteve na majoritária. Na ocasião, coube ao PMDB indicar a deputada Rita Camata (ES) para a vaga de vice.

Em disputas pela Prefeitura do Recife – o alvo principal dos partidos em 2012 –, o papel de “auxiliar” coube ao PSDB. Em 2000, quando o então prefeito Roberto Magalhães (ex-PFL) tentava a reeleição, Guerra disputou a vice. Em 2008, o ex-deputado Bruno Rodrigues compôs chapa com o deputado Raul Henry, do PMDB. Para 2012, PSDB e DEM têm candidatos.

Blog da política diário de Pernambuco

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *