Confira os destaques da programação da Bienal do Livro de PE até esta segunda

Lançamentos de livros, palestras e exibições de filmes são algumas dicas para quem for ao Centro de Convenções conferir o evento

Da Redação do pe360graus.com

Seminários, congressos, pontos de leitura, sessões de cinema, laboratórios, oficinas e minicursos. Quem for à 8ª Bienal Internacional do Livro de Pernambuco, que acontece até o dia 2 de outubro, tem uma programação extensa e diversificada à sua espera no Centro de Convenções, em Olinda, onde foram montados 270 estandes povoados de livros de 600 editoras (fotos 1 e 3). Confira abaixo os destaques selecionados pelo portal pe360graus para os que visitarem o evento neste sábado (24), neste domingo (25) ou nesta segunda-feira (26).
SÁBADO
Receber escritores, jornalistas e professores para fazer leituras abertas, participar de debates e estabelecer um contato mais próximo com o público: este é o objetivo do Café Cultural. O espaço coordenado pela Faculdade Frassinetti do Recife (Fafire) recebe, às 19h deste sábado, o jornalista e escritor Samarone Lima, que vai falar sobre prosa e poesia.
Outro destaque da programação desse dia fica por conta da escritora Thalita Rebouças (foto 2). Bastante conhecida entre o público jovem, a autora vem a Pernambuco para lançar o livro “Era uma vez a minha primeira vez” (Rocco, 2011) e ministrar a palestra “Literatura: conversa de meninos e meninas”. Nessa última ocasião, ela será recebida pelo jornalista Marjones Pinheiro, no Auditório Brum, às 18h.
Ainda à noite, mas às 19h, é realizada uma sessão de “Só Dez por Cento é Mentira”, documentário brasileiro dirigido por Pedro Cezar. A exibição acontece no Auditório Ribeira.

DOMINGO

O Círculo das Ideias, o espaço recebe, às 17h deste domingo, a escritora Carola Saavedra — uma das favoritas da edição deste ano do Prêmio Jabuti, com a obra “Paisagem com dromedário” (Companhia de Letras, 2010) — conversa com Alfredo Cordiviola sobre “Literatura, identidade, memória e transculturalismo”.
Um pouco antes, às 15h, acontece o seminário “Literatura, cidadania, ciência e espiritualidade” – “Bullies… reflexos do processo educacional?”. A paulista Heloísa Pires e o pernambucano Humberto Vasconcelos Júnior falam sobre esses temas no Auditório Brum.
Na programação noturna, o destaque é o painel sobre edições independentes “Independência ou”, do qual participam Marcelino Freire, Allan da Rosa e Fábio Andrade. É às 19h,  no Círculo das Ideias.
SEGUNDA-FEIRA
O Café Cultural merece uma atenção especial de quem for à Bienal nesta segunda-feira (26). Às 16h, o espaço recebe a poeta Lucila Nogueira e a escritora Beliza Parente para um bate-papo sobre “Literatura e Mulher”. Já às 18h, o local vai contar com a presença dos poetas Cida Pedrosa e Marco Polo Guimarães. Eles vão conversar com Wilson Freire sobre o romance “A mulher que queria ser Micheliny Verunschk”.
No Círculo das Ideias, o destaque fica por conta da palestra “Euclydes e outros perfis”, que será ministrada pelo escritor Paulo Gustavo às 18h. Uma hora depois, às 19h, o mesmo espaço recebe o painel “Cinema e Cidadania: o caso do Western”, com Fernando Monteiro e José Carlos Targino.
Mas quem preferir assistir a filmes em vez de discutir o cinema também tem uma opção no mesmo horário.  No Auditório Ribeira, às 19h, acontece a exibição da ficção brasileira “Caramujo-flor”, de Joel Pizzini, que é seguida por “Pan-Cinema Permanente”, documentário dirigido por Carlos Nader.
Clique neste link para conferir a programação completa da 8ª Bienal Internacional do Livro de Pernambuco.
SERVIÇO
Bienal Internacional do Livro de Pernambuco
Até 2 de outubro
Centro de Convenções, Olinda
Ingressos: R$ 4 (inteira) e R$ 2 (meia-entrada); professores, alunos e projetos sociais das redes pública e privada que agendarem previamente a visitação e idosos com mais de 65 anos não pagam.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *