Economia

[Economia][bsummary]

Escada

[Escada][bigposts]

Mata Sul

[Mata Sul][twocolumns]

Educação

[Educação][bsummary]

Institutos Federais levam Projetos de tecnologia e inovação para o Centro de Convenções

Promovido pelo IFPE e IF-Sertão, o Congresso Norte Nordeste de Pesquisa e Inovação (Connepi) acontece até sexta-feira (30)

Foto: Breno Menezes 

Projetos de tecnologia e inovação ocupam, até sexta-feira (30), o Centro de Convenções de Pernambuco como parte da programação do 12º Congresso Norte Nordeste de Pesquisa e Inovação (Connepi). O evento é promovido pelo Institutos Federais de Educação, Ciência e Tecnologia de Pernambuco (IFPE) e do Sertão Pernambucano (IF-Sertão), reunindo 4.500 pessoas, entre estudantes e pesquisadores da Rede Federal de Educação Profissional e Tecnológica. 

Além de palestras, miniconferências, oficinas, minicursos, o evento agrega a Mostra Tecnológica que reúne 15 projetos desenvolvidos no âmbito dos Núcleos de Inovação Tecnológica (NIT) dos Institutos Federais. Alguns dos trabalhos que serão expostos ao público chamam a atenção tanto por sua originalidade como pelo seu possível impacto social. Entre eles, está o projeto de um ônibus adaptado para deficientes visuais e de um táxi autônomo, desenvolvidos por estudantes dos Institutos Federais de Pernambuco e do Maranhão, respectivamente.Os trabalhos serão avaliados por uma banca examinadora e os melhores serão premiados na cerimônia de encerramento do evento. 

A programação inclui ainda o Desafio de Ideias, que busca incentivar a cultura do empreendedorismo entre os estudantes. Os participantes são divididos em equipes para desenvolverem projetos de start-ups, participam de mentorias e, ao final, também são avaliados. Na tarde desta quarta-feira (28), a partir das 14h, os grupos irão assistir a uma palestra dos idealizadores do Mundo Bita, desenho animado produzido pela Mr.Plot que já alcançou mais 1 bilhão de visualizações no YouTube, e do Livox, primeiro software de comunicação alternativa em português, criado pelo pernambucano Carlos Pereira, analista de sistemas e pai de uma criança com paralisia cerebral. 

Como parte da grade geral do evento, haverá no período da tarde, a partir das 14h, a mesa-redonda sobre “Educação Científica e suas contribuições para sociedade”, com a participação do coordenador do Espaço Ciência, Antônio Carlos Pavão, do professor da Universidade Federal Rural de Pernambuco, Antônio Carlos Miranda e do professor do IFPE, Kléber Rodrigues. A programação também inclui a realização de oficinas e apresentação de mais de 1.500 trabalhos ao longo de todo o evento. 

ABERTURA - A cerimônia de abertura foi realizada na noite de terça-feira (29), no auditório Tabocas, do Centro de Convenções, e foi marcada pelos discursos em defesa da Rede Federal de Educação Profissional e Tecnológica, que agrega os 38 Institutos Federais do país. A palestra de abertura foi ministrada pela coordenadora do Fórum de Pró-Reitores de Pesquisas da Rede, Ana Palheta, que apresentou indicadores de pesquisa e inovação, com base no que foi desenvolvido ao longo dos dez anos da Rede Federal. 

Um dos destaques foi o crescimento do número de grupos de pesquisas, que passou de 450, em 2009, para mais de 2 mil atualmente. Outro reflexo do avanço promovido pela criação da Rede é o quantitativo de projetos de pesquisa que, hoje, ultrapassa a marca de 17 mil. A coordenadora ainda expôs alguns trabalhos desenvolvidos no âmbito dos Institutos Federais e destacou seu impacto econômico e social. 

"São números que mostram qual o nosso potencial, enquanto Rede, e como podemos moldar o mundo lá fora a partir do que estamos fazendo aqui. Esses dez anos mostram que estamos fazendo aqui que nascemos para fazer: gerar valor econômico e social", defendeu. 

A reitora do IFPE, Anália Ribeiro, destacou os eixos de criação dos IF´s. “É um modelo de Educação que deu certo. A opção dos Institutos Federais é fazer Ciência para toda a sociedade, mas, principalmente, para as pessoas que mais precisam, e é por isso que o eixo da humanização não pode ser esquecido”, afirmou. Já a reitora do IF-Sertão, Maria Leopoldina Veras, o coordenador-geral de Infraestrutura e Inovação da Diretoria de Desenvolvimento da Rede Federal, Daniel Ferraz de Godoy, o gerente-geral de Educação Profissional do Estado de Pernambuco, Maria do Socorro Rodrigues dos Santos; o diretor do Espaço Ciência, Antônio Carlos Pavão, além de gestores dos IF´s. 

HISTÓRICO – Realizado desde 2006, o Connepi tem o objetivo de impulsionar e difundir a produção na área de pesquisa, inovação e desenvolvimento tecnológico. Nesta 12ª edição, o Connepi terá como tema “Os dez anos da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica”, buscando fortalecer os debates sobre o papel dos Institutos Federais no desenvolvimento social e econômico do país e o caráter estratégico da ampliação dos investimentos na ciência e desenvolvimento tecnológico. O evento é realizado com o apoio do Ministério da Educação, por meio da Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica (Setec/MEC), e do Conselho Nacional da Instituições da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica (Conif).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Coluna - A Voz do IHAAGE

[A Voz do IHAAGE][twocolumns]

TV Escada News