Economia

[Economia][bsummary]

Escada

[Escada][bigposts]

Mata Sul

[Mata Sul][twocolumns]

Educação

[Educação][bsummary]

Saiba todos os diferenciais de um Troller

Conheça as vantagens e encontre os motivos para investir no seu 

Foto: Freepik

Acabou o tempo em que ter um jeep era uma coisa de quem tinha um perfil mais aventureiro, gosta de passeios e viagens radicais e precisa de um carro com resistência. O Troller é um exemplo disso, uma vez que mescla características necessárias tanto no campo, como na cidade. 

Os diferenciais já podem ser notados logo ao entrar na cabine, com a presença do ar condicionado duplo digital. Outro diferencial é a coluna de direção com ajuste de altura, assim é possível soltar do volante sem a necessidade de corrigir a direção e ainda fazer passeios sem cansar como antes. 

O modelo T4 também conta com computador de bordo com medidor de consumo, som com Bluetooth e USB, além de cinco saídas de ar. O carpete de tecido foi substituído por um de borracha, todo o interior é lavável e ainda as portas apresentam soleira plana. 

E os novos benefícios não ficam restritos às preferências do motorista. Quem viaja na parte de trás também vai mais confortável em virtude do aumento nos entre-eixos. No banco de trás outra melhoria é em relação ao santantônio, que tem a gaiola de metal camuflada na carroceria. Já o porta mala conta com 134 litros, cerca de 40 a mais do que o modelo anterior. 

O design continua o mesmo, mas os proprietários já podem sentir novidades em relação a tecnologia, conforto, ergonomia e espaço. Um dos exemplos pode ser observado no próprio interior, onde a parte eletrônica agora conta com componentes de outros modelos da Ford, como a Ecosport. 

Essas novas características tem a ver com a compra da Troller pela Ford em 2007. Desde a aquisição, o jipe tinha passado por poucas modificações, até a chegada das novidades com o objetivo de modernizar o modelo e aprimorar seus processos produtivos. 

Com ar menos rústico e mais profissional, a Ford pretende aumentar a base de clientes do modelo. Dessa forma, a ideia mostrar que mesmo aqueles que não praticam um off road extremo também podem levar um Troller para casa. Agora que você já conhece um pouco mais sobre o Troller, tire algumas das suas principais dúvidas sobre o veículo: 


Produção e acabamento 

Uma das principais características do Troller é relacionada a forma como ele é construído. A carroceria é inteira feita de fibra de vidro, em que o diferencial está na mudança do trabalho artesanal pela técnica Sheet Molding Compound (SMC) em que a fibra é moldada por pressão em chapas e não de forma manual. 

O material é muito resistente e troca de processos acontece mais por uma questão de agilidade, que garante a produção de cerca de 100 unidades por mês. Com a prensa saindo pronta para ser utilizada, isso diminui a necessidade de retrabalho como anteriormente, o garante a qualidade de entrega desde a produção. 


Direção e velocidade 

Além das mudanças que trouxeram agilidade ao processo de produção, as novidades também podem ser sentidas pelos clientes na direção. O deslocamento do carro ganhou precisão e entre-eixos maiores, de 241 a 258 mm, deixando o T4 mais estável em altas velocidades e mais previsível em curvas. 

No off road, o chassi retangular é menos rígido do que o anterior, o que garante uma aderência melhor ao solo. Com as rodas com mais tempo de contato no solo,fica ainda mais favorável a questão da tração. 


Rendimento 

Outra preocupação de quem busca carros a venda em Salvador está relacionada ao rendimento do veículo e com o Troller não seria diferente. O T4 conta com um motor 3.2 MWM de 165 cv, com 3.2 duratorq, conectado com um câmbio manual de seis marchas. 
O conjunto é mesmo utilizado nas picapes Ranger, o que garante a qualidade de rendimento do Troller. Movido a Diesel, ele chega a 200 cavalos, 47,9 mkgf entre 1 700 e 2 500 rpm. Para chegar a 100 km/h ele necessita de apenas 13,4 segundos. Já em relação a consumo, faz 8,9 km/l na cidade e 11,8 km/l na estrada, com 14 segundos a mais do que sua versão anterior. 


Tração 

Outra novidade também pode ser identificada no sistema de tração. Para acionar, basta ativar o seletor eletrônico e escolher entre as opções 4X2, 4X4 High e 4X4 Low. 

Em ambos os modelos, a tração nas quatro rodas pode ser acionada até 120 quilômetros por hora. Se a velocidade estiver reduzida, é necessário realizar o procedimento com o veículo parado. 

Um dos diferenciais da versão está no aumento de força do torque que foi de 2,48 para 2,71. A velocidade também tem um aumento, indo de 155 para 165 km/h. Todas essas novidades fizeram com que o Troller aumentasse a sua estabilidade no off road. 

Além disso o ângulo de ataque subiu 1 grau, melhorando o ângulo de saída. Uma das características que se manteve mesmo na nova geração foi a capacidade de passar por áreas largadas, restrita a 80 cm. 

Sem os pneus para trilhas difíceis, o Troller apresenta de fábrica os pneus 70/30 feitos para serem utilizados no asfalto. Para uso no modo off-road para viagens mais pesadas é necessário realizar a mudança para os modelos de pneus 50/50. 

Assim, se a sua intenção ao buscar um Troller é aventura e trilhas, é importante ter em mente que o investimento terá que ser maior, como o de modelos como o All Terrain e o Mud Terrain, focado nas atividades esportivas de impacto. 

Os veículos variam na faixa de R$ 110 000 e R$ 115 000, superando os R$ 96 844 iniciais. Vale destacar que esses valores não incluem itens de segurança de veículos comuns como Airbags, por não se tratar de uma exigência da legislação para veículos da categoria.

Desta forma, o Troller é uma opção interessante para quem busca um veículo mais rústico e aventureiro, que suporte trilhas e faça bons deslocamentos na cidade. 


Curtiu? Compartilhe em suas redes sociais!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Coluna - A Voz do IHAAGE

[A Voz do IHAAGE][twocolumns]

TV Escada News